ORCID Lança Interface de Usuário em Português

Laure Haak's picture
An English language version of this blog is also available.

O ORCID tem o compromisso fundamental de servir a comunidade acadêmica e de pesquisa internacional. Como parte deste compromisso, continuamos expandido os idiomas suportados no Registro ORCID, e hoje anunciamos o lançamento de nossa interface de usuário em português.

Os usuários agora podem se registrar para um identificador ORCID e gerenciar suas contas em português. Isso aumenta nosso suporte atual para nove idiomas (inglês, francês, espanhol, coreano, português, russo, japonês, chinês tradicional e simplificado, e aumenta as capacidades que o ORCID oferece desde seu lançamento para adicionar conteúdo, incluindo nomes alternativos em vários conjuntos de caracteres. Observe que continuaremos a oferecer o suporte técnico em inglês.

Já vimos muita atividade entre os pesquisadores em Portugal. Após uma chamada nacional em novembro passado pela  Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT), o financiador de ciências nacional em Portugal, mais de 40.000 pesquisadores portugueses se registraram para um identificador ORCID em um período de três semanas. Organizações e mais de 75.000 trabalhos foram conectados a esses registros. Simultaneamente,  pilotos usando os dados ORCID foram realizados em dois sistemas nacionais.  Em um piloto com o sistema de CVs DeGóis, 2000 pesquisadores associaram seu ORCID a seu CV e importaram mais de 8500 publicações. Um segundo piloto com o repositório de publicações indexadas Authenticus resultou em uma importação gerada por pesquisadores de mais de 130.000 publicações, que foram automaticamente associadas aos autores. O FCT apresentou esses resultados em uma oficina em fevereiro, em que o ORCID foi discutido como componente de um ecossistema CRIS nacional que permite a identificação do pesquisador e a interoperabilidade entre vários sistemas de pesquisa em Portugal, incluindo o RCAAP o repositório de Acesso Aberto nacional. “Uma publicação deve ser registrada somente uma vez e reutilizada várias vezes entre os sistemas,” disse João Mendes Moreira, FCT, unidade FCCN. 

Além de Portugal, a interface em português tem a intenção de dar apoio à comunidade de pesquisa brasileira. Abel Packer, Coordenador do banco de dados bibliográficos e biblioteca de revistas de acesso aberto SciELO (Scientific Electronic Library Online) aplaude o lançamento da interface em português: “O portal ORCID em português é bem-vindo, pois irá facilitar a disseminação e adoção do identificador único de pesquisador ORCID em todas as comunidades de pesquisa brasileiras com todas as suas vantagens. Nós do SciELO estamos preparando uma campanha para promover a adoção do ORCID por revistas e autores.”

Damos as boas-vindas à parceria com o SciELO e outros para expandir a conscientização e uso do ORCID entre os pesquisadores e organizações de pesquisa mundiais. 

Fique ligado para mais idiomas e novos recursos durante o ano de 2014!